SILVIO: quinto maior artilheiro da Portuguesa de Desportos

                   Silvio Faria nasceu dia 10 de julho de 1940, na cidade de Santos (SP). No meio futebolístico era conhecido por Silvio Major. Foi um centroavante rompedor, alto e forte. Marcou época na Portuguesa de Desportos nos anos 60, jogando ao lado de seu grande amigo Servilio. É o quinto maior artilheiro da Lusa do Canindé, com 120 gols. Em 1964 foi vice campeão paulista pela Lusa do técnico Aimoré Moreira. Foi um jogo em que meteram a mão na Portuguesa em plena Vila Belmiro, naquele Santos 3×2 Portuguesa. O pênalti não marcado do Ismael em cima do Ivair foi escandaloso quando o placar ainda era 0x0.

                   Neste ano Silvio ficou boa parte do campeonato na reserva, pois o titular era Henrique Frade que estava numa grande fase e também porque tinha outra craque que assim como Henrique veio do Flamengo, era o atacante Dida, que saiu do Brasil como titular para a Copa de 1958 na Suécia, mas já no segundo jogo perdeu a posição para um tal de Pelé.

                 Em 1967 foi jogar no Corinthians. Sua estreia aconteceu no dia 19 de março de 1967, dia em que o alvinegro empatou com o Fluminense em 3×3 pelo Torneio Roberto Gomes Pedrosa. O jogo foi no Pacaembu e o Corinthians jogou com; Barbosinha, Jair Marinho, Ditão, Galhardo e Edson; Nair e Rivelino; Marcos, Tales, Sílvio (Flávio) e Gilson Porto. O técnico foi Zezé Moreira. Os gols corintianos foram marcados por Tales, Rivelino e Nair cobrando pênalti.

                 Sua maior proeza com a camisa alvinegra foi no dia 9 de julho de 1967, quando o Corinthians goleou o Guarani de Campinas por 4×1 pelo Campeonato Paulista, pois os quatro gols foram marcados por ele. Vale lembrar que neste dia faziam suas estreias no Corinthians, o lateral direito Osvaldo Cunha e o atacante Prado, que veio do São Paulo.  

                 Pelo Timão Silvio realizou 35 jogos. Venceu 21, empatou 10, perdeu 4 jogos e marcou 13 gols. Deixou o alvinegro de Parque São Jorge em 1968 e foi defender o Atlético Mineiro.

                 Infelizmente Silvio Major veio a falecer no dia 6 de agosto de 2004, na cidade de Santos, aos 64 anos de idade.

Em pé: Jair Marinho, Dino Sani, Ditão, Marcial, Clóvis e Maciel   –   Agachados: Bataglia, Rivelino, Silvio, Flávio e Gilson Porto
Em pé: Jair Marinho, Clóvis, Marcial, Dino Sani, Ditão e Maciel   –  Agachados: Bataglia, Tales, Silvio, Rivelino e Gilson Porto
Em pé: Vilela, Nelson, Odorico, Ditão, Félix e Juths   –    Agachados: Jair da Costa, Silvio, Servílio, Ocimar e Nilson
Em pé: Humberto Monteiro, Vanderlei Paiva, Djalma Dias, Vander, Oldair e Fábio  –    Agachados: Vaguinho, Ronaldo, Silvio, Neguito e Tião
Em pé: Vilela, Félix, Odorico, Ditão, Nélson e Juts    –     Agachados: Jair da Costa, Ocimar, Silvio, Servílio e Baba
Em pé: Osvaldo Cunha, Ditão, Barbosinha, Clóvis, Dino Sani e Maciel    –   Agachados: Bataglia, Prado, Silvio, Rivelino e Gilson Porto
Postado em S

Deixe uma resposta